O designer Kenzo Takada morre da COVID-19 em 81

2021 | Pessoas Famosas

Kenzo Takada, o fundador da icônica marca de luxo Kenzo, morreu aos 81 anos.

O designer japonês baseado em Francs morreu de COVID-19 no American Hospital em Paris no domingo. 'Por meio século, o Sr. Takada foi uma personalidade emblemática na indústria da moda - sempre infundindo criatividade e cor ao mundo', postou a grife em sua ode a Takada. 'Hoje, seu otimismo, entusiasmo pela vida e generosidade continuam a ser os pilares da nossa Maison. Ele fará muita falta e sempre será lembrado. '



Relacionado | Kenzo tem sua correção de programação de quarentena coberta



Kenzo Takada foi o primeiro designer japonês a fazer um nome para si mesmo, e torná-lo grande, em Paris. Seu amor por cores, gráficos exclusivos e estampas florais é o que o tornou um sucesso desde que abriu sua empresa nos anos 1970. Um porta-voz disse ao BBC que com seus 'quase 8.000 designs', ele 'nunca parou de celebrar a moda e a arte de viver'.

Veja esta postagem no Instagram

Uma postagem compartilhada por KENZO (@kenzo) em 4 de outubro de 2020 às 9h27 PDT



Em 1993, Takada vendeu a empresa para a LVMH e se aposentou seis anos depois. Hoje, Felipe Oliveira Baptista ocupa a função de diretor de criação.

Baptista, que está de luto pela perda de seu antecessor e mentor, escreveu: 'Sua incrível energia, bondade, talento e sorriso eram contagiantes. Sua alma gêmea viverá para sempre. Descanse em paz Mestre. '

Foto via Instagram



Artigos relacionados na web